Trabalho

Trabalho do 1.º Escalão

EB de Lopas (Sintra)

MEMÓRIA DESCRITIVA
Iniciou-se o processo, fazendo a escolha das duas turmas de primeiro ano para a realização da árvore para o concurso. Elaborou-se um folheto informativo para os encarregados de educação dos alunos das respetivas turmas, onde se solicitou a colaboração dos mesmos com o fornecimento das embalagens destinadas ao trabalho. De seguida, as professoras das duas turmas projetaram a estrutura e aspeto da árvore. Organizaram-se pequenos grupos de alunos de ambas as turmas que, a pouco e pouco, com o apoio das professoras, foram construindo a árvore. Este processo demorou cerca de um mês. Como suporte usou-se um cabide de pé em madeira para o tronco e um chapéu-de-chuva sem tecido para a copa. Uniram-se os dois objetos com arame fino. Conforme os alunos traziam os pacotes, iam-nos separando por cores, tamanhos e marca Compal. Iniciou-se a aplicação das embalagens maiores de cor verde pelo pé da árvore. Estas, colada lado a lado, circundaram o suporte, tapando-o. Colaram-se camadas sobre camadas que foram estreitando conforme iam subindo em altura. Para os ramos superiores, usaram-se pacotes da Compal, que cobriram as varetas metálicas do chapéu-de-chuva. Os frutos foram construídos aproveitando os desenhos presentes nestes pacotes e respeitando a presença do símbolo FSC. Recortaram-se muitas folhas nas embalagens verdes que se aplicaram em toda a copa da árvore, tornando-a mais volumosa e colorida. O tronco da árvore foi pintado de castanho, deixando-se a descoberto os selos da Tetra Pak e da FSC.
Os alunos participaram entusiasticamente, mostrando sempre muito interesse, manifestando opiniões e apresentando sugestões durante o processo de construção da árvore. Ficaram sensibilizados para a reutilização e compreenderam a importância da utilização destas embalagens nos produtos que consumimos para a defesa do ambiente.
A árvore ficou concluída no dia 19 de março, Dia da Árvore e da Floresta, pelo que integrou as comemorações deste dia. Expôs-se a mesma à comunidade educativa no espaço polivalente da escola e através da publicação no site da escola.


Leave a Reply