Trabalho

Trabalho do 2.º Escalão

Colégio Infanta Dona Maria de Portugal (Sintra)

A turma IGCSE (equivalente ao 9º ano) da escola Prime School de Portugal, resolveu aderir a este passatempo e cria uma árvore que não fosse somente original mas que também respondesse as exigências feitas.
Como tem o objectivo de apelar à disposição das embalagens tipo Tetra Pak no ecoponto correcto, melhorar as práticas florestais e o ambiente em geral, resolvemos criar uma árvore com uma utilidade muito particular. Uma horta suspensa onda possa plantar ervas aromáticas.
Hoje em dia é cada vez mais comum plantar as nossas próprias ervas aromáticas nas varandas das nossas casas e mesmo dentro de pequenos vasinhos na cozinha; por esta razão e também para aumentar o Impacto visual da nossa pequena árvore tornando-a verdadeiramente verde e viva resolvemos que não existiria uma utilidade mais perfeita.

Materiais Utilizados:

Rede de galinheiro (para estrutura);
Arame;
Jornais velhos;
Fita de pintor;
Cola branca;
Cola quente;
Copos de plásticos usados (construção das frutas);
Embalagens Tetra pak (para forrar);
Embalagens Tetra pak / Compal (forrar frutas).

Utilidade:
Horta suspensa para ervas aromáticas.

Medidas:
1.21m x 0.72m

Processo Criativo

Inicialmente a turma foi divida e enquanto uns tratavam da estrutura da árvore em si e dos recipientes onde ficariam os vasos, outros tentavam arranjar maneiras de reutilizar matérias para a criação dos próprios vasos e diversos frutos nomeadamente maçãs, ananás e banana.
Para a estrutura foi usada rede de galinheiro que era cortada com um alicate e ligeiramente enrolada até alcançar a forma desejada; com a ajuda de um arame as pontas eram amaradas para que a nossa árvore não perdesse a forma e mantivesse a estabilidade para que mais tarde os vasos pudessem ser colocados sem nada desequilibrar. A mesma técnica foi usada tanto na estrutura principal como nos ramos em que tentamos dar a forma mais orgânica possível para que se assemelhassem aos reais.
Nas cestas ou recipientes para os nossos vasos usamos também arame, contudo desta vez cortamos 4 quadrados formando cubos sem a parte de cima para formar um recipiente. Para conseguirmos juntar os lados usamos o arame para cozer as laterais.
No caso das frutas, os materiais utilizados foram o algodão, fita de pintor, jornais e cola branca para criar uma estrutura parecida com esferas. Algumas foram feitas com copos de plástico para criarem uma estrutura parecida a bananas e pêras que mais tarde foram cobertas com papéis e jornais velhos. Para o ananás decidimos fazer a coroa com as embalagens da Treta Pak e fazermos uma pintura artística para a base. Após de todas as frutas feitas revestiram as frutas com as embalagens de litro da Compal.
A árvore foi coberta com jornal pintada de branco e depois pintada a spray com vários tons de castanho e um de roxo. Os vasos foram cobertos com bocadinhos de embalagens verdes da Treta Pak que cobriam também as pontas dos ramos para dar a ilusão que pertenciam. Por último colocamos todas as frutas na árvore e criamos uma base a partir de um vaso de plástico velho para plantas e decoramos com embalagens de café utilizadas.


Leave a Reply